Binho Ribeiro: “São Paulo pode ser considerada a capital da Arte Urbana”

Arte Urbana é todo o tipo de expressão criativa realizada no espaço público. O termo pretende identificar a Arte que se faz nas ruas à margem das instituições. Além do grafite, a Arte Urbana inclui estátuas vivas, músicos, malabaristas, palhaços e representações teatrais. Para o artista e curador Binho Ribeiro, a arte vem assumindo os espaços urbanos porque as pessoas — artistas e população — gostam dessa interação com cidade.

Segundo Binho, os projetos de arte urbana ajudam a qualificar e até mesmo reabilitar espaços da cidade, trazendo também oportunidades para o intercâmbio com outras culturas. Artistas de vários países também participam de projetos que têm como objetivo a troca de  informações. Eles são estimulados a expressarem sua visão de mundo usando os elementos da sua própria cultura. Foi o que aconteceu com o festival O.bra, festival internacional de arte de rua, realizado nos dias 24 e 25 de outubro em São Paulo.

O objetivo do festival O.bra é fortalecer a percepção da arte de rua no Brasil e promover o intercâmbio entre artistas brasileiros e de outros países, numa programação voltada exclusivamente para a arte urbana e a revitalização das cidades.

O festival será anual, a primeira edição foi no Largo do Arouche, na região central de São Paulo. Binho participou da confecção de dois painéis de 45m de altura cada, em parceria com o artista Suiko, do Japão.

Binho cita um projeto no bairro de Santana, na Zona Norte de São Paulo, que a partir da intervenção artística foi criada uma iluminação, um passeio e uma ciclovia”. Desta forma, Binho ressalta que as pessoas ocuparam as ruas para se relacionarem com estas expressões. “Hoje temos vários pontos na cidade que foram resgatados e se tornaram verdadeiras galerias de arte”, diz.

.

Tags: , , ,

%d blogueiros gostam disto: